Bom não é novidade que os apreciadores de decoração, música e afins perdem a compostura quando o assunto é boa comida, boa música. Bons queijos, e claro de quebra e muito importante uma decoração de suspirar. Fomos os escolhidos dentre tantos, para cuidar do casamento da Maíra e do Fabiano, claro piramos com a visita técnica quando de cara percebi que se tratava de uma antiga fábrica de massas, e que por gerações foi passando até virar o que é hoje o Anella Restaurante. Confesso que sou apaixonada por uma parede demolida, que fica com a antiga construção a mostra, mais aí associar uma parede de tijolinhos, maquinário antigo, e ainda por cima um jardim cheio de bromélias, orquídeas era demais para meu coraçãozinho. Quando vi o local de cara pensei, seria o ideal para uma cerimônia em Toscana. Então logo fomos atrás de uma escolha que faria muito sentido nas mesas. Tecidos mais grossos, com tema Chevron, e arabescos.

Flores azuis, e com leveza do branco e verde. Limão siciliano e casca de pinos na mesa do almoço. Um gazebo dentro do salão externo, por que não um gazebo? Ah fez muita diferença. Um buquê desconstruído, e sim meus amigos muito amor no ar! O resultado vocês conferem abaixo.

Deixe seu Comentário

Author

Comments are closed.